3 de dez de 2010

David Villa

Tumblr_ldoiskrlzj1qbmj8io1_500_large     Mais uma homenagem a um aniversariante. Hoje quem está fazendo aniversário é David Villa, que faz 29 anos, ele é jogador de futebol que atualmente joga no Barcelona e na seleção da Espanha. David foi a primeira figurinha que consegui para meu álbum da Copa de 2010, e por isso comecei a prestar atenção nele e quando a Copa começou percebi que ele jogava muito bem, e além disso, amei a comemoração dele quando fazia gol, ele pulava e fazia o movimento com o braço como toureiro. 

     David Villa Sánchez nasceu em Langreo, na Espanha, no dia 3 de dezembro de 1981. Apelidado de Guaje ("garoto" no dialeto asturiano), Villa é um jogador explosivo, veloz e dedicado que não hesita em ir além do seu campo de atuação para ajudar a equipe. A entrega e a coragem que mostra nos gramados fizeram dele um dos favoritos da torcida, apesar de a personalidade forte já ter levado a um ou outro cartão indesejável.
     Embora seja destro por natureza, David Villa sabe bater com as duas pernas. Segundo o pai do jogador, um mineiro asturiano, o fato se deve a um contratempo que poderia ter acabado com o futuro do craque, mas que acabou lhe rendendo qualidades. Aos quatro anos, o Guaje quebrou a perna direita e, como não largava a bola mesmo engessado, acabou aprendendo a usar a esquerda.
     David começou sua carreira profissional jogando no time Sporting de Gijón, na Espanha mesmo, onde fizeram dele um finalizador nato por possuir uma grande técnica e muita velocidade. Ficou em Gijón por três temporadas, até ser contratado pelo Real Zaragoza, após marcar quarenta e três gols em oitenta e cinco jogos.
Tumblr_lnq0qjibof1qc7tono1_500_large     Villa chegou a Saragoça por aproximandamente três milhões de euros, devido à crise vivida pelo Sporting e pela chegada do croata Mate Bilić para seu lugar. Permaneceu por duas temporadas no clube, onde conquistou seus primeiros títulos (uma Copa e uma Supercopa da Espanha), até se transferir para o Valencia, por doze milhões de euros.
     Em 2 de dezembro de 2008, após ser um dos responsáveis pela conquista da Eurocopa pela Espanha, Villa ficou em sétimo na disputa pelo prêmio da Bola de Ouro, da revista francesa France Football e, em 12 de janeiro de 2009, foi anunciado como o nono melhor jogador do ano de 2008 pela FIFA.
     Após mais uma boa temporada defendendo o Valencia, tendo terminado o campeonato com vinte e um gols, acabou acertando sua transferência em 18 de maio de 2010 ao Barcelona, que pagou 40 milhões de euros pelo jogador. O contrato tem a duração de quatro temporadas, e Villa receberá cerca de três milhões de euros por temporada.
     A estreia pela Fúria aconteceu em 2005, nas eliminatórias para a Copa do Mundo da FIFA Alemanha 2006. O Mundial foi o seu primeiro grande torneio pela seleção espanhola e não poderia ter começado melhor, já que o atacante marcou duas vezes diante da Ucrânia. Apesar da eliminação precoce para a França nas oitavas de final, Villa deixou um excelente cartão de visitas em nível internacional.
     Desde então, o jogador nunca mais ficou de fora da seleção, exceto por lesão ou suspensão, e já acumula 36 gols, marca que o deixa na posição de segundo maior artilheiro do país, a um passo de Raúl, que aparece à sua frente na disputa.
     Apesar dos prêmios e dos holofotes, Villa demonstra humildade e atribui as conquistas individuais ao apoio dos companheiros. O jogador está ansioso para disputar o Mundial, em que tentará ajudar a Espanha a superar a campanha de quatro anos atrás.
     Agora aquele avisinho básico pra cortar o barato: David é casado com sua namorada de infância.

     Então David, sei que você não lerá isso, mas te desejo feliz aniversário, felicidades e muitos mais anos de vida pra continuar arrasando no futebol.

0 comentários:

Postar um comentário

- Para evitar que seu comentário venha a ser excluído, leia a política de comentários do blog.
- Antes de fazer uma pergunta dê uma olhada na página de FAQ para ver se sua pergunta já não foi respondida lá.

Obrigada por comentar. Saber que minhas postagens são valorizadas por outras pessoas é o que me faz continuar com o blog