11 de fev de 2011

Novo Signo do Zodíaco

     Então gente, finalmente a Melissa voltou de viagem, depois de rodar os EUA de Los Angeles a Las Vegas minha queridíssima prima voltou na quarta-feira mas só meu ligou avisando de seu retorno hoje (mas tudo bem), então para estreiar a sua volta, vinhemos fazer, mais uma vez, um breve post juntas, dessa vez sobre o novo signo do zodíaco, que está causando bastante polêmica pelo fato de mudar o signo de muitas pessoas.

     Astrônomos do Planetário de Minnesota, nos EUA, afirmam que, por causa da atração gravitacional que a Lua exerce sobre a Terra, o alinhamento das estrelas foi empurrado por cerca de um mês. Já os astrólogos dizem que o Zodíaco montado a milhares de anos pelos gregos estava errado pelos poucos recursos de observação que possuíam na época.
     Indepentende de que versão é a correta, a verdade é que surgiu um décimo terceiro signo no antigo zodíaco, o Ophiuchus, que fica entre Escorpião e Sagitário. Contudo, vários astrónomos têm desvalorizado o novo signo, considerando-o apenas uma mais uma constelação, que teria sido posta de parte pelos antigos astrónomos da Babilónia, por quererem apenas doze signos.
     Mas os astrónomos dando importância ou não, está havendo muitas polêmicas quanto a essa descoberta, pois muitas pessoas mudaram de signo com esse novo zodíaco, se uma pessoa, por exemplo, fez uma tatuagem com seu antigo signo e agora seu signo é outro, ficará com uma tatuagem errada, além de quem tem costume de seguir horóscopos, que não terá as mesmas previsões de antes.
     De acordo com os astrônomos do Minnesota Planetarium Society, esta será a nova lista de signos:
     Achei essa lista bem estranha porque quem nasceu, por exemplo, no dia 16 de fevereiro, seria de capricórnio ou de aquário? Isso está meio confuso.
     Mas segundo o astrólogo Alexey Dodsworth não devemos ficar preocupados com nossa mudança de signo, ele tenta explicar como são denominados os signos e por que não devemos nos preocupar com esse novo: "Para você entender melhor, imagine que uma faixa circular é projetada a partir da Terra e dividida em doze setores iguais. Isso é o que astrologicamente chamamos de signos zodiacais. Os signos, para a Astrologia, são geométricos. Mas como algumas constelações celestes levam o mesmo nome dos signos astrológicos, muita gente confunde e acha que signos e constelações são a mesma coisa. Seu signo não mudou, justamente porque nunca foi uma constelação. Os signos da Astrologia são trópicos e não constelacionais. Dizer que alguém é Ariano, por exemplo, não tem a ver com o fato dessa pessoa ter nascido enquanto o Sol passava pela constelação de Áries. O que acontece é que, neste nascimento, o Sol transitava pela zona geométrica que, para a Astrologia, corresponde ao signo de Áries.”

1 comentários:

Bruno JP Teixeira disse...

COMO EU NÃO ACREDITO E NEM CURTO ESSE NEGÓCIO, PRA MIM É FURADA....

É SÓ MAIS UM MISTERIO PARA A HUMANIDADE, E A MESMA TENTAR DESVENDAR HA SECULOS, E MILENIOS.

ABRÇS

Postar um comentário

- Para evitar que seu comentário venha a ser excluído, leia a política de comentários do blog.
- Antes de fazer uma pergunta dê uma olhada na página de FAQ para ver se sua pergunta já não foi respondida lá.

Obrigada por comentar. Saber que minhas postagens são valorizadas por outras pessoas é o que me faz continuar com o blog