7 de set de 2011

Independência do Brasil

Hoje é a data da independência do Brasil, por isso é feriado, então vamos falar hoje sobre o que ocorreu nessa data há anos atrás.
     A Independência do Brasil é um dos fatos históricos mais importantes do nosso país, pois marca o fim do domínio português e a conquista da autonomia política.
     O processo de independência teve início com a insatisfação dos colonos com o Pacto Colonial (pacto em que a metrópole obrigava a colônia a comercializar somente com ela) e com os altos impostos e o autoritarismo que eram impostos ao Brasil por Portugal.
     Foi a partir dessa insatisfação que geraram-se revoltas como a Conjuração Mineira e a Conjuração Baiana, que foram controladas pelo governo, mas acabou chegando-se a um ponto onde não era mais possível controlar a pressão da população brasileira.

     A partir de 15 de julho de 1799, D. João (primeira imagem), tornou-se Príncipe-regente de Portugal, pois sua mãe, a Rainha D. Maria I, foi declarada louca pelos médicos. Após o novo príncipe desobedecer o Bloqueio Continental imposto pela França, Portugal foi invadido pelas tropas de Napoleão e D. João e sua família tiveram que se mudar para o Brasil.
     O governo de D. João fez muitas melhorias na cidade do Rio de Janeiro e ofereceu emprego e diversão aos nobres que com ele vieram para o Brasil, mas, para isso, os habitantes do Brasil tiveram que pagar cada vez mais impostos, o que os deixou nada contentes.
     Por conta da pressão que recebia das tropas militares portuguesas, D. João resolveu voltar para Portugal e deixar no Brasil o seu filho Pedro (segunda imagem) como príncipe regente.
     A permanência de um herdeiro do trono português no Brasil desagradou às Cortes portuguesas, que começaram a exigir a volta de D. Pedro para Portugal.
     No dia 7 de Setembro de 1822, ao voltar de Santos, parado às margens do riacho Ipiranga, D. Pedro recebeu três cartas: uma carta com ordens de seu pai para que voltasse para Portugal, se submetendo ao rei e às Cortes; uma de José Bonifácio, que aconselhava D. Pedro a romper com Portugal; e a outra da esposa, Maria Leopoldina de Áustria, apoiando a decisão de Bonifácio.
     Foi nesse momento que ele disse a famosa frase "Independência ou Morte!", rompendo, finalmente, os laços de união política com Portugal. Dia 12 de outubro de 1822, o Príncipe foi aclamado Imperador com o título de D. Pedro I, e foi coroado no dia 1 de dezembro.

2 comentários:

Place Fame disse...

Realmente é um fato histórico.

Beijos, Emily
Place Fame | Extras | Maratona de Tutoriais | Twitter

Sweet Dreams disse...

Eu fui nos eventos da minha cidade ,ai teve um desfile de guardas ...
Segue?
http://sweetdreamssah.blogspot.com/

Postar um comentário

- Para evitar que seu comentário venha a ser excluído, leia a política de comentários do blog.
- Antes de fazer uma pergunta dê uma olhada na página de FAQ para ver se sua pergunta já não foi respondida lá.

Obrigada por comentar. Saber que minhas postagens são valorizadas por outras pessoas é o que me faz continuar com o blog