13/01/2011

Acne (espinhas)

     Sabe quando você olha no espelho de manhã e vê uma espinha terrível no seu rosto e tem um surto de raiva? Pois é, hoje vou explicar para vocês porque essas indesejais aparecem e esclarecer algumas prováveis perguntas sobre essa infecção muito comum na adolescência.

     O processo de formação de uma espinha começa no folículo sebáceo, uma estrutura dentro da pele onde fica a raiz dos pelos e as glândulas sebáceas, que produzem a gordura que protege a pele do ressecamento. O pelo pode ser fino e curto, por isso nem sempre é visível.
     A abertura desse folículo é um poro na pele que, quando entope, faz a gordura se acumular. Quando o poro é largo, a gordura tem maior contato com o ar e oxida, formando uma "tampinha" preta. Esse cravo geralmente não vira espinha.
     Num poro mais estreito não há o ponto preto criado pela oxidação e suas bácterias se alimentam de gordura e não gostam de ar. Nesse tipo de cravo é formado um ponto branco, é ele que geralmente vira espinha.
     Dependendo da quantidade de bactérias no cravo de ponto branco, o corpo pode reagir desencadeando uma inflamação. Forma-se, então, a pápula: os tecidos em volta do cravo ficam inchados e vemelhos, criando uma pequena saliência dolorida no local. Em inflamações mais fortes, com pus, a espinha chega ao seu estágio: a pústula. Aperece uma bolha na pele que, apesar da tentação, não deve ser espremida, porque só piora a infecção.
     Existem diferentes níveis de gravidade da acne, vão de um a quatro (o mais grave recebe o nome de Conglobata), e tratamentos para cada um deles, mas para não piorar a situação, o melhor é esperar o pus secar sozinho e a espinha sumir por si própria.
     Algumas pessoas associam a ingestão de determinados alimentos com o aparecimento ou piora das espinhas. Entretanto, não existe comprovação científica para isso. Segundo alguns dermatologistas a alimentação não pode ser considerada causa do aparecimento da acne. Então agora pode comer chocolate a vontade tranquilo de que pelo menos não vai influenciar no aparecimento de espinhas.
     Há pessoas que acreditam que lavando o rosto várias vezes ao dia é uma forma de se prevenir da acne, mas isso pode mesmo é aumentar a oleosidade da pele, provocando o aparecimento de mais espinhas.
     Apesar do sol ter algum efeito cicatrizante, ficar exposto a ele pode provocar o aumento na produção de sebo, o que piora as espinhas. O bom é passar protetor solar sempre que ficar ao sol.
     Dois avisos especialmente para as mulheres:
     1) Dependendo do anticoncepcional que você usar pode ajudar na melhora da acne;
     2) Pela influência dos hormônios, pode haver uma piora da acne nos dias anteriores à menstruação. Porém, como alguns pensam, a menstruação em si não é um fator que cause o aperecimento de espinhas, e sim os hormônios liberados durante esse período.
     Depois das espinhas: Cicatrizes de acne podem ser tratadas e sumir. Esses procedimentos devem ser realizados por um médico dermatologista experiente e, algumas vezes, são necessárias várias etapas de tratamento para um resultado satisfatório.
     É bom deixar claro que a acne pode ser controlada com tratamentos indicados por dermatologistas. Se você tem problemas com espinhas o ideal é ir a um dermatologista, ele saberá o tratamento necessário para a gravidade de seu problema.

0 comentários:

Postar um comentário

- Para evitar que seu comentário venha a ser excluído, leia a política de comentários do blog.
- Antes de fazer uma pergunta dê uma olhada na página de FAQ para ver se sua pergunta já não foi respondida lá.

Obrigada por comentar. Saber que minhas postagens são valorizadas por outras pessoas é o que me faz continuar com o blog