16 de mar de 2011

Estrelas Tortas

     Há pouco tempo tivemos que ler no colégio o livro Estrelas Tortas do escritor Walcyr Carrasco, o autor é muito famoso pelas novelas que faz, as novelas mais recentes feitas por ele foram Caras & Bocas e Sete Pecados, todas exibidas na globo.

     O livro conta a história de Marcella, uma garota muito bonita e excelente jogadora de vôlei. No colégio, todos os meninos eram afim dela e todas as meninas a achavam uma boa amigo. Namorava o garoto mais bonito da escola, o Bira, menino que todas as garotas desejavam.
     Certo dia, Marcella e sua mãe, Aida, foram visitar a avó da menina que morava em uma cidade próxima, mas no meio do caminho, o carro onde estavam colidiu com um caminhão, e as duas foram parar no hospital. Aida não se machucou muito, pelo menos não comparado a Marcella, que estava sem cinto e acabou sem arremesada para fora do carro, o que lhe fez ficar paraplégica.
     No decorrer do livro é mostrado a reação de cada pessoa quanto ao acidente de Marcella, algumas reagem até bem, ou seja, ajudando Marcella a se recuperar, sempre lhe dando apoio e tentando, menos que as vezes não conseguindo, fazer com que ela se sentisse bem, apesar de suas novas condições. Mas Bira, o ex-namorado de Marcella, não reage nada bem ao acidente, e só faz piorar a condição da menina, não lhe dando nenhum apoio e fazendo com que ela fique esperando que ele venha visitá-la, mas ele só vai uma vez e nem aparece mais.
     Apesar das dificuldades encontradas por Marcella logo de início, com o passar do tempo, ela consegue superar tudo isso e passa a viver como uma pessoa normal, apesar de sua deficiência, faz tudo que qualquer outra pessoa conseguiria fazer, sendo que de uma forma adaptada para o fato de não conseguir mover as pernas.
     Gostei bastante do livro, pois conta uma história de superação, adoro essas histórias que nos mostram que todos podemos conseguir o que desejamos se nos esforçarmos, não importa as dificuldades que temos.
     A parte que achei mais bonita do livro foi o final, quando o irmão de Marcella nara uma parte da história, por isso vou mostrá-la para vocês:
     "Olhando as estrelas de longe,eu pensei: 'E se eu tivesse um microscópio para observar as estrelas? Quer dizer um telescópio?' De longe elas parecem todas iguais,mais chegando de perto,acho que eu descobriria as diferenças de cada uma. Quem sabe, uma é torta. Na outra, falta um pedaço. A outra é mais apagada.
     Estrelas, estrelas, estrelas! Pensei muito nelas. Talvez elas sejam como a gente. Quando olho pras pessoas que não conheço direito, parece que tudo está bem, que tudo está certo. Que só eu e minha família temos problemas tão difíceis. Que a vida dos outros é tranquila. Que todos são iguais, como as estrelas que a gente vê de longe. Mas, se a gente se aproximar como quando eu olhei a mancha no microscópio, ah, nem se fala! É outra história.
     Quando as estrelas entraram pela janela, foi nisto que pensei.
     'Que a gente é como um pedaço da noite.
     De longe, as estrelas perfeitas,
     De perto, estrelas tortas!'"

7 comentários:

Bruno JP Teixeira disse...

MUITO BOM VALEU A DICA!!!

ABRÇS.
BRUNO JP TEIXEIRA - O PORTUGA
http://brunojpteixeira.blogspot.com/

Divã das Baforetes disse...

Oi Flor!!!

Meu irmão tbm ta tendo de ler este livro!!!

Gostei hem!!!


Bjss da Lud

Rart og Grotesk disse...

o livro deve ser muito bonito, uma lição de vida e um exemplo de superação!As vezes precisamos de histórias assim.
ate mais, bjs!

http://artegrotesca.blogspot.com

Aline Rodrigues disse...

Estou lendo. Tive que parar de ler seu post quando você escreveu "a parte que eu mais gostei foi NO FINAL, quando" aaaah! Vivo reclamando com minha filha, contar o enredo não é contar o livro todo!!!!! Mas até a parte em que parei eu estava gostando muito, parabéns pela resenha.

Caio Cesar Soares de Lima disse...

Perfeitoo

Caio Cesar Soares de Lima disse...

Me ajudou muito obriga dooo
Abrçs

Anônimo disse...

super massa o livro, li tres vezes . AMEIIIII

Postar um comentário

- Para evitar que seu comentário venha a ser excluído, leia a política de comentários do blog.
- Antes de fazer uma pergunta dê uma olhada na página de FAQ para ver se sua pergunta já não foi respondida lá.

Obrigada por comentar. Saber que minhas postagens são valorizadas por outras pessoas é o que me faz continuar com o blog